Casa de S. Paulo

Apesar de ter surgido cinco anos e meio após o início do 1º.Cursilho da Diocese, em Abril de 1961, é afirmado que "potencialmente ela nasce precisamente na data dos primeiros Cursilhos, no Seminário da Sé", facilmente augurado pelo tremendo êxito sócio-espiritual do Movimento que acabava de nascer. Todos pressentiam nitidamente que essa maravilhosa vivência estava imparável, que nada a poderia deter e, de imediato, sobrou o pensamento firme de conseguir local permanente e livre das limitações naturais que os espaços improvisados sempre impõem. A inauguração da Casa de São Paulo, foi em 16 de Outubro de 1966.


D.Florentino de Andrade e Silva, Administrador Apostólico da Diocese do Porto, confirmava nesses primeiros tempos: «Na sua breve história, têm já os Cursilhos de Cristandade produzido frutos extraordinários. Propagaram-se a muitos países, por vários Continentes; e as pequenas reuniões de grupo para entreajuda e comunhão espiritual entre irmãos, têm-se realizado tanto nas humildes aldeias da Álava, como nas grandes metrópoles e no próprio palácio das Nações Unidas. São verdadeiramente um novo dom de Deus à Sua Igreja. E nós abençoamos a hora em que os introduzimos nesta Diocese. Esta realidade esplêndida, Deus a fará maior e mais bela».

Casal responsavel pela Casa de S. Paulo
Manuel da Silva Dias
Helena Matilde Santos Silva